Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

No meu Palato

No meu Palato

Os meus melhores de 2019 | De velas içadas, desejando ... desejos

"O desejo é como o vento. Sem esforço. Se ele encontra velas  içadas, arrasta-nos vertiginosamente. Se as portas e as janelas estiverem fechadas, vagueará por um certo tempo na procura incessante de gretas ou fissuras que o deixem passar. No entanto, se o desejo for associado a um objecto, condena-nos a esse bem material. Mas há outra forma de desejo, abstracta, desconcertante e muito pura, que nos envolve, quase como se fosse um estado anímico. Essa outra forma de desejo, anuncia que estamos prontos para ela, só nos restando esperar, soltar as velas e deixar que o vento sopre. É o desejo de desejar." David Trueba

Os melhores de 2019

Estimados amigos, Janeiro (inicio de Fevereiro conta como Janeiro ;)) costuma ser o mês em que divulgo os "melhores do ano" do No Meu Palato, porque continuo a achar que alguém deve de dar importância a isso ;) É a altura de ficar nostálgico ao rever todas as notas recolhidas no ano passado. 2019 foi um ano verdadeiramente espectacular, em todos os sentidos, até porque a "equipa editorial" passou a contar com mais um elemento, o Guilherme :) Com o aumento do número de visitas aumenta também o número de "visitados" fora dos prémios, e isso é o que, mais uma vez, me tem dado, verdadeiramente,  cabo da cabeça. Janeiro é também a altura de agendar as visitas para 2020 (que são já mais de duas dezenas!!!) e de introduzir novos conteúdos no blogue. Mas ... vamos lá ao que interessa:

Evento Revelação 2019A melodia de um até já deu ao Wine & Music Valley 2019 o prémio de Evento Revelação. Beneficiou de uma localização única, ao estar enquadrado no cenário idílico entre a vinha e o rio - foi transversal a vários segmentos de público, desde famílias a grupos de amigos que gostam de celebrar a vida com um copo de vinho na mão, passando por crianças como a Bia que curtiu milhões ;)

Evento Revelação 2019Sei que este vai ser um daqueles fins de semana dos quais vou ter muitas saudades pelos momentos que passei com as minhas duas princesas, e com o pequeno príncipe, ainda dentro da barriga.

Melhor Evento Willahelm, um nome "esquisito" de origem alemã serviu de mote para o Melhor Evento: o Christmas Wine Experience 2019. Mais de 100 produtores, de todas as regiões do país, alinharam-se pelas áreas comuns do hotel para apresentarem dois dos seus melhores vinhos para o Natal. A ideia foi a de encontrar os pares perfeitos para acompanhar os pratos típicos da quadra, do tradicional bacalhau ao peru, passando pelas sobremesas da época. 

Christmas Wine Experience 2019Aos melhores vinhos juntaram-se uma selecção de queijos, enchidos e prova de azeites portugueses, que completaram a experiência. Tudo isto entre amigos, e num ambiente que é muito difícil encontrar melhor ;) 

Os melhores 2019A fabulosa prova "Uma viagem pela história dos Colheita da Vieira de Sousa” deu ao Enóphilo Wine Fest Porto 2019 o prémio de Melhor Prova em Evento. Parabéns Gradissímo por não te acomodares com o que já foi feito.

Quanto ao Melhor Wine Hotel deste ano ... é um repetente: Quinta da Pacheca ;)

Melhor WineHotel Desde o ano passado a Quinta criou mais um inovador conceito, que nos voltou a fazer querer visitá-la: os Wine Barrels. Num cenário idílico e romântico, estes Barris de Vinho proporcionam uma experiência única de contacto com a natureza e com a realidade monumental desta região, reconhecida como um destino de excelência. Momentos únicos de descanso que se imortalizam no tempo, num ambiente de ruralidade. Resumindo esta experiência numa frase: é o sonho de um enófilo tornado realidade ;)

Melhor WineHotel Excelência em constante mutação e criatividade. Na Pacheca não se dorme "à sombra da bananeira". E é isso que espero que a minha menina mais pequena tenha aprendido com esta visita: a seguir a lição do camaleão: o saber viver com tolerância, respeito e humildade ...  e também o “saber estar” em comunidade.

Hotel RevelaçãoAs duas metades da vida e uma sopa seca relembram-me o Hotel Revelação deste ano, o Douro 41 Hotel & Spa. Existem pessoas e lugares que nos marcam de uma forma tão inexplicável quanto especial. E isso não acontece com qualquer pessoa/lugar. 

Hotel RevelaçãoParticularizando, no caso dos locais, aqueles que são mesmo especiais como o Douro 41 Hotel & Spa, são autênticas plataformas que nos fazem voltar a conversar, nem que seja por breves momentos, com essa criança, que felizmente ainda vive dentro de nós. E isso, amigos, é rejuvenescer, é acalmar, é perder o medo e é também recuperar a vontade de voar.

Melhor Hotel

O erro mais bonito entregou o prémio de Melhor Hotel ao InterContinental Cascais-Estoril. Um novo e contemporâneo hotel, sobre a chancela de excelência e qualidade do InterContinental Group. Com 59 quartos sobre o mar, o InterContinental Cascais-Estoril oferece uma das melhores localizações e vistas sobre a Costa Atlântica. Moderno, contemporâneo e elegante, é perfeito para estadias a dois ou em família.

Melhor HotelMas mais do que um "simples" hotel, o InterContinental Cascais-Estoril é uma janela aberta para a memória do velho Atlântico (oceano e hotel) e para uma nova experiência de conforto, luxo e modernidade. Situado sobre o mar e a dois passos de Lisboa, tem na localização um dos seus principais atributos, proporcionando deslumbrantes e inspiradoras vistas sobre a Riviera Portuguesa.  Uma ponte entre a heritage de outros tempos e a modernidade dos nossos dias, patente na excelência do serviço, quer seja na forma de receber que o distingue, quer pela forma exclusiva como somos tratados.

Os melhores de 2019O Melhor Chefe deste ano, "fez-me" fazer a viagem Guimarães-Bragança por duas vezes em 2019 e é um autor que gosta do que é português, do que é autêntico, um cultor das palavras, dos sabores e das memórias transmontanas.

Melhor ChefePonderado e assertivo, exibe com orgulho, uma ligação ao mundo rural que o viu nascer. Poderíamos estar a falar tanto de Miguel Torga, como do Chefe Óscar Geadas, porque se Miguel Torga cozinhasse um Reino Maravilhoso, não andaria muito longe do que provamos em Bragança ;) 

Os melhores de 2019Uma nova interpretação à cozinha tradicional portuguesa através de combinações improváveis, de uma conjunção de sabores bastante elegante e de um uso muito próprio de texturas contrastantes atribuiu o prémio de Chefe Revelação ao Chefe Paulo Leite (restaurante Astória). 

Os melhores de 2019Da minha cidade chega o Melhor Restaurante 2019: a Cozinha de António Loureiro. A Cozinha, da terra, do mar e das memórias, cresceu, prato após prato, tornando-se mais pessoal e ganhando sentido: a investigação, o compromisso, o conhecimento e a felicidade estão presentes em cada criação.

Os melhores de 2019Tem momentos, muitos momentos em que roça a perfeição (tenho a certeza que no céu deste Chefe surgirão mais estrelas, é só dar tempo ... ao tempo) . Nesta noite rodeou-nos por breves instantes e, no final, era chegado o tempo de continuar para outras paragens, para outras gente e para outros prémios ;)

Os melhores de 2019O Miguel Laffan at Atlântico Bar & Restaurante leva o prémio de Restaurante Revelação.  Este novo espaço exibe um menu com ADN nacional e de alma democraticamente ecléctica, que explora a proximidade do mar e a relação privilegiada de Miguel Laffan com pescadores, produtores e fornecedores locais.

Os melhores de 2019O ambiente, no qual o Chefe também teve intervenção, é sofisticado, familiar e acolhedor. Faz com que o mar encha a sala, o coração e o olhar,  inspirando a degustação "conversativa" das propostas gastronómicas, num  dos restaurantes mais bonitos e bem localizados do país.

Os melhores de 2019Fugindo um pouco (se calhar muito) do óbvio, o Melhor Prato do ano 2019 vai para o Arroz de Cabrito da Toca da Raposa.  Merece por si só a viagem. Uma espécie de risotto de cabrito crocante ... desconcertante. Uma camada crocante e ligeiramente fumada protege um interior suculento, complexo e rico. A cada garfada a Bia repetia vigorosamente: «mais arroz» ;)  Um prato que merece ser degustado com tempo, conversa e boa disposição.

Nova Imagem (6).jpgPassando aos vinhos, que são sempre as decisões mais complicadas que tenho para tomar. Atribuí o prémio  Vinho Revelação ao Aeternus Douro Tinto 2017 (140€, 97 pts.). Um vinho com uma cor vermelho rubi, intensa e concentrada, quase opaca. Exibe frutos vermelhos e pretos maduros com notas florais bem harmonizadas. No palato aparece com vida, poderoso e com e vigor, com boa estrutura em taninos firmes. O final é longo, persistente e sedutor.

Os melhores de 2019A cereja, esteva, ameixa preta, framboesa, cacau, mineralidade (xisto), equilíbrio, elegância e precisão juntaram-se no Melhor Vinho: o Quinta do Vale Meão 2017 (85€, 97 pts.), tenho a certeza que se vai tornar numa das melhores edições de sempre.

Os melhores de 2019

Por sua vez, o Melhor Fortificado (não Porto):  vai para o Barbeito Malvasia 40 Anos – Vinho do Reitor (400€, 98 pts). Possui um bouquet extraordinário com deliciosos figos secos, ameixa confitada (quase queimada), cedro, eucalipto, sultanas, tabaco, cacau, canela, iodo e farmácia. O final de boca picante, salino, fresco e interminável ainda não me saiu da cabeça. É por causa de vinhos como este que as revoluções valem a pena!!! Cravos? Com cravos não se fazem vinho ;)

Os melhores 2019Quanto aos melhores Vintages, ficam ambos (novo e velho) na Noval.  Quinta do Noval Vintage Nacional 2017 fica como Melhor Vintage Novo (1500€,100 pts.). Este foi um dos melhores Vintage que provei. Cogumelos, morangos, ameixa, amoras, mirtilos, notas minerais, cravinho e loureiro que surgem lentamente, camada após camada. Surge ainda uma espécie de redução de compota de frutos silvestres arrebatadora. O palato é elegante, encorpado, intenso, denso, aveludado, harmonioso e fresco. 

Os melhores 2019O bouquet de sabores vai crescendo com o passar do tempo, promovendo um final notável, sensual (quase indecente ;)), apaixonante e muito equilibrado. Um vinho perfeito!!! Posso estar errado, acho que não estou, mas creio que tem condições para entrar para o lote das melhores colheitas de sempre, a ver... Por sua vez, o Melhor Vintage Velho é o Quinta do Noval Vintage Nacional 1994 (2000€,100+ pts.)

Os melhores de 2019Achocolatados, alcaçuz, fruta madura e uma estrutura maravilhosamente picante, com taninos macios e maduros e uma acidez  crocante. Em camadas, complexo e envolvente, é um vinho incrível.

Os melhores de 2019O Melhor Tawny, António Vieira de Sousa 90th Anniversary Very Old Port (2200€, 100 pts.), possui salinidade, acidez e densidade incríveis, o café que transporta é simplesmente arrebatador, o melaço é muito concentrado (quase caramelo mas com maior acidez e menos doçura) e tem ainda notas muito particulares a pinheiro, chã preto e verniz. Acaba (horas depois) com uma complexidade, textura e personalidade fascinantes. Um vinho de sonho!!!

Os melhores 2019Também por tudo isto, 2019 foi um excelente ano. Estamos os 4, de velas içadas ao vento, desejando que 2020 seja ainda melhor e que esses sorrisos nunca vos faltem ;)
Termino dizendo que, contra todas as recomendações da minha mulher, em 2020 vou criar o espaço "Não Gosto", onde falarei de vinhos de que ... não gosto. E vejam se me entendem, lá vão aparecer os vinhos que não gosto, não os que não prestem ou não estejam bem feitos. São coisas diferentes. A ver como corre, vemo-nos por aí ;)